Selecione e ouça uma canção!




domingo, 26 de outubro de 2008

AS PEGADAS QUE O TEMPO NUNCA VAI APAGAR

Sinto que o tempo, de forma lenta e gradual está se incumbindo de cobrir as marcas que deixamos impressas na areia molhada da praia quando a maré ainda era alta e nos permitia caminharmos de mãos dadas por madrugadas de lua cheia em meio á cenários lindíssimos, deslumbrantes, excitantes á visão e ao tato.Hoje o mar é outro, mais calmo e as nossas pegadas que formavam uma longa fila de passos sincronizados está lentamente se perdendo a cada quebrar de onda. O sol por sua vez tem colaborado para secar a areia da praia e outras pegadas nossas também vão desaparecendo, pois o vento arrasta areia de outros lugares, cobrindo a forma deixada pelos nossos pés...Mas creia, mesmo que um dia, por razões alheias á nossa vontade, as pegadas que deixamos vierem a desaparecer completamente da areia da praia, outras pegadas nossas estarão e ficarão eternizadas, pois são as pegadas deixadas pelos nossos corações na superfície de nossas almas e lá estarão eternamente protegidas das marés, do sol e do vento e lá para sempre ficarão, como lembranças maravilhosas de tudo aquilo que um dia aconteceu entre nós!

Um comentário:

Solange Mazzeto disse...

Concordo, há pegadas que o tempo não apagará, e serão lembradas quando o dia, [aquele dia que chega pra todos], chegar!