Selecione e ouça uma canção!




terça-feira, 18 de dezembro de 2007

TENHO MEDO DE SEU MEDO
****************************
Tenho medo de seu medo
De mostrar-se por inteira
De revelar seu segredo
De ser completa, verdadeira
*************************
Tenho medo de seu medo
De não se conter e amar
De revelar seu enredo
E se fazer notar
*************
Tenho medo de seu medo
De ver seu coração aflito
Por isso agora intercedo
Não quero te ver em conflito
*************************
E intercedo dizendo:
Nada temas minha paixão
Deixa o tempo ir correndo
Aquieta seu coração!
*******************
Porque tenho medo de seu medo
De seu segredo
De seu enredo
De se revelar
De não se conter
De você amar
Mas esse medo me excita
E é tão bom...

3 comentários:

Eli ツ Lobo disse...

Zé, q sensibilidade!
Esse medo é jargão pra muita história! Muito linda, parabéns!

Beijinhos :)

Moniquinha disse...

São tantos medos que me causam medos! Mas parece que esses são justamente os que mais nos dão prazer, não é? Lindo meu querido, de uma sensibilidade ímpar e sentimentos muito intensos. Adorei!
Beijos!

Lana disse...

interessante essa coisa de medo.

é um freio e ao mesmo tempo uma corrente.

será melhor descer a ladeira em alta velocidade ou sangrar punhos e tornozelos no ferro frio?

porque, de uma forma ou outra a gente acaba se machucando, né?

muito bonito, ZéRô!

beijooooooooo e (ainda) feliz natal procê...